INVESTE COMO RAY DALIO

Ray dalio, fundador e manager fund da bridgewather é considerado como um dos maiores fund managers do mundo e a própria bridgewather está considerada como o maior fundo privado do mundo com ativos valendo uns 160 bilioes de dollars.

 

Com um retorno medio de 8% e um sharpe ratio médio de 0.92, o fundo de Ray Dalio ficou nos olhos do mundo dos investimentos, quando o SP500 teve em 2018 um retorno negativo de -10% e o fundo de Ray dalio teve um retorno de quase 10% da carteira.

Ray dalio também é conhecido por ter escrito um dos livros mais memoriáveis e best sellers de todos os tempos o “Principles” onde mostra como construir os princípios de funcionamento tanto do seu fundo, como da sua vida pessoal.

 

Mas como investe Ray Dalio? Quais os seus segredos?

 

Para entender a filosofia de investimento de Ray Dalio temos que  entender os eixos principais de investimento que são caracterizados por:

 

1 – DETERMINAR OS CICLOS DE MERCADO

2 – DISTRIBUIÇÃO POR CRESCIMENTO / INFLAÇÃO

3 - CORRELAÇÕES

1 – DETERMINAR OS CICLOS DE MERCADO

 

Ray Dalio ao tentar determinar o ciclo de mercado tenta desta forma perceber como se vão comportar os múltiplos tipos de ativos pois alguns crescem mais quando há uma recessão ou quando estamos num ciclo de baixo crescimento,  outros ativos crescem quando há uma expansão económica, outros quando há mais inflação e outros quando há menos inflação

No entanto atualmente vivemos na era económica do crédito, ou seja a economia real segue os ciclos de credito, pois.

 

  • Juros mais caros significa mais custos e menos lucro
  • Juros mais baratos significa menos custos e mais lucros empresariais

 

No entanto havendo mais dinheiro disponível (mais credito, menores juros praticados) , há uma possível incrementação da inflação e com menos dinheiro disponível (menos credito ou seja maiores custos de juros) haverá menor inflação.

 

Nota importante: na Europa, embora as taxas de juro sejam baixas, houve um incrementar nos impostos de consumo o que faz com que anule parcialmente o efeito de descida de taxas de juro na inflação pois os bens continuarão a ser mais caros e menos acessíveis, diminuindo a inflação

Ao compreender o ciclo de mercado e ciclo de crédito consegue de certa forma prever se vamos entrar numa temporada com:

 

  • Crescimento e poupa inflação
  • Crescimento e muita inflação
  • Recessão e com pouca inflação
  • Recessão e com muita inflação

 

E assim consegue escolher os ativos que se comportam melhor numa destas quatro fases.

 

2 – DISTRIBUIÇÃO POR CRESCIMENTO / INFLAÇÃO

 

Ao ter determinado em que fase do mercado estamos, Ray Dalio tenta escolher e distribuir o seu portfolio nestes 4 quadrantes de forma a que o seu portfolio seja equilibrado e consiga de certa forma estar preparado caso esteja enganado

 

3 – CORRELAÇÕES DE ATIVOS

 

Embora não pareça importante o próprio Ray dalio considera que a alocação de ativos por correlação é considerada como o Holly Graal da sua estratégia, pois quanto menos correlacionados estiver a sua estratégia menor é o risco de rotura de carteira e menos diversificação (menos quantidades de ativos tem de comprar, conjugando aqui e eliminando a diluição dos ganhos)

 

Como veem quando ativos são muito correlacionados mesmo investindo em muitos, não conseguimos eliminar totalmente o risco de ruina de portfolio, no entanto se os mesmos não forem correlacionados o risco de ruina cai de uma forma vertiginosa.

 

 

 

Como podem observar Ray dalio tem o olho posto na perda e não no lucro e isso é uma das ideias mais importantes dos investimentos.

Vejamos a curva de Draw Downs do seu portfolio

Como podem observar o controlo de perdas e de risco é a marca de Ray Dalio pois ele sabe perfeitamente que se conseguir cortar nas perdas, mesmo que os retornos não sejam tao elevados como outros fundos, a longo prazo conseguira ter retornos absolutos estrondosos a anos luz dos seus concorrentes.

 

Vejamos como são os Draw Down do mercado :

Como podem observar enquanto o draw down máximo do fundo de Ray dalio nos últimos 30 anos foi de 16%, o mercado teve em algumas situações draw downs na ordem dos 50%

 

Mas Ele aposta só longo?

 

Não!

 

Délio utiliza todo o tipo de estratégias de forma a poder proteger a sua carteira

 

Ele ao comprar opções PUT, como o próprio diz não está a indicar que o mercado vai cair, mas está a proteger-se caso aconteça usando estratégias assimétricas….Paga 1.5 Biliões de premio num portfilio que vale 160 Bilioes o que representa uma aposta que vale menos de 1% do seu portfolio com prespectivas caso o mercado caia, possa ganhar 3 ou 4 vezes a aposta diminuindo assim as perdas de uma queda de mercado. Na prática pensem estas compras de opções como um seguro caso haja caídas acentuadas do mercado.

 

Esta estratégia foi sem dúvida nenhuma populariozada (embora seja conhecida há décadas) pelo livro de Nassim Taleb Antifragil

VEJAMOS COMO ESTÁ ACTUALMENTE O PORTFOLIO DE RAY DALIO.

 

Índices mercado maduro SP 500 – 30.2%

Índices Emergentes: 20.8%

Ouro – 5.9%

 

RESUMO DA APOSTA

Obrigações corporativas maduras – 3%

Obrigações High Hield – 2.7%

Obrigações estado tesouro 20 Anos – 2.7%

Índices de corporações internacionais (excluindo USA e canada) – 1.9%

Outros – 30%

Total: 470 ativos

 

Como podem observar a aposta de de Ray Dálio concentra-se no quadante crescimento e inflação, pelo que ele considera que estamos num estágio de crescimento e inflação.

 

Para veres mais truques da estratégia de Ray Dalio tens que ver o video em baixo e claro assinar no nosso canal youtube 🙂